Os 3 maiores desafios logísticos no Brasil

29 de outubro 2018 | 1 comentário.

Que o setor logístico é um dos setores que mais vem ganhando destaque no Brasil, não é novidade. Com uma crescente retomada na economia e o aumento da confiança dos consumidores, o e-commerce vem comandando esse avanço, e espera-se que, nesse ano, nosso país gerencie mais de 220 milhões de pedidos.

Quando falamos de logística e sua gestão, estamos falando de tudo: cadeia de suprimentos, planejamento de armazenagem, circulação e distribuição de produtos, controles, etc, sempre buscando sinergia entre os processos da empresa.

Como a cadeia de suprimentos está sempre em constante mudança, o processo logístico também está. Dessa forma, tudo muda o tempo todo: o mercado, as preferências e os produtos, o que faz girar ainda mais a economia.

Mesmo com toda essa expansão ocorrendo, o setor ainda tem muitos desafios a serem vencidos. Como a área da logística é muito complexa, a DATAFRETE decidiu explicar os três maiores desafios para você. São eles:

Falta de Infraestrutura

É nítida a deficiência que o Brasil tem quando o assunto é infraestrutura, o que só dificulta a evolução do setor logístico. Aqui, é possível mencionar os maiores desafios como sendo a falta de boas (e duplicadas) estradas, falta de segurança e carência de manutenção das vias para os caminhões.

Além de causar sérios prejuízos, a má infraestrutura contribui para a precariedade de ambos, o trabalho e o transporte. Além disso, impulsiona trânsitos lentos, restrições de horários nas principais avenidas, dificuldade de entregas e roubo de cargas.

Todos estes aspectos juntos, tornam o frete arriscado e garantir a integridade das cargas até seu ponto final, é um grande desafio.

Falta de Diferentes Modais

Outro desafio encontrado é a dependência que o setor logístico tem do modal rodoviário. Ficou claro durante a greve dos caminhoneiros, que qualquer falha na malha rodoviária pode influenciar toda a nação.

Outros modais como o aéreo, ferroviário, hidroviário, etc., além de pouco investidos e utilizados, têm suas conexões pouco exploradas. Ou seja, é importante frisar que devemos sempre buscar construir uma malha multimodal: utilizando-se de mais de um meio de transporte para fazer as entregas.

Estes investimentos não apenas aliviariam o fluxo de cargas nas rodovias, mas também aumentariam o alcance e a rapidez dos transportes, aumentando assim o desempenho das empresas e seus processos de distribuição.

Falta de Profissionais Capacitados

A falta de profissionais, assim como a falta de profissionais capacitados, atingem em cheio o setor. Quanto aos primeiros, as razões se sobressaem na precariedade das condições de trabalho, estresse gerado e salários pouco atraentes. Quanto aos outros, o índice de profissionais especializados em logística no país são baixíssimos.

Para que uma operação logística obtenha êxito, é sempre necessário considerar a participação de vários agentes durante o processo, então quando falamos de profissionais capacitados, nos referimos à algum funcionário da empresa focado e com noções em economia, infraestrutura, transporte, armazenagem e distribuição.

Dessa forma, fica fácil compreender que a capacitação técnica de todos (motoristas e gestores) é relevante para minimizar os impactos dos desafios logísticos no Brasil.

Infelizmente, todos esses desafios acabam por fazer com que o setor não apenas se prejudique, mas fique estagnado quando nos referimos a evolução. No geral, o Brasil tem muito potencial para aprimorar sua gestão logística, e muito provavelmente, investir e empregar tecnologia é um fator chave para o início dessa mudança.

Sabemos que dia após dia, essas tecnologias são desenvolvidas e evoluídas, e já é possível apostar em algumas que minimizem esses (e muitos outros) desafios logísticos!

Adotar o uso de aplicativos inteligentes em frete, são as soluções que mais reduzem os atrasos nas entregas e facilitam a vida dos transportadores e embarcadores. A utilização de tais recursos são primordiais para o desenvolvimento dos processos da sua empresa, já que operações inteiras podem ser controladas com apenas um clique.

Conheça mais sobre a DATAFRETE: Contamos com simuladores de melhor oferta de transporte (preço, prazo e eficiência de entrega), e auditoria entre fretes negociados e realizados, estendendo nossas aplicações para a indústria, comércio, serviços e ecommerce.

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Luis Carlos Pivesso Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Luis Carlos Pivesso
Visitante
Luis Carlos Pivesso

Estes assuntos devem ser amplamente debatidos com todos os envolvidos com a Logística de fretes.
Deste modo aumentaremos o conhecimento das necessidades dos embarcadores para melhorar os processos de gestão de frete.